Alimentos com Zinco Veja o que comer pra não Faltar

Pelo bem da saúde, é importante conhecermos e fazermos uso dos alimentos com Zinco, uma vez que esse mineral também é muito importante no organismo humano já que ele traz benefícios bem diversos.

O zinco é responsável pelas funções de pelo menos 300 enzimas no organismo que estão ligadas a produção e funcionamento de alguns hormônios e, além disso, ele também é responsável pela sintetizaçao de proteínas, pela reprodução e pelas funções do sistema imunológico. O baixo índice de zinco no organismo também compromete a proteção contra o ataque de infecções virais, uma vez que ele ainda contribui com a síntese das imunoglobulinas.

Alimentos fornecedores de zinco: o zinco é encontrado em uma grande variedade de alimentos, tais como:

Alimentos de origem vegetal – as sementes de abóbora, arroz integral, aveia, ervilhas, lentilhas, feijões, grão de bico, entre outras sementes.

Além disso, é encontrado em castanhas, amêndoas, gergelim e amendoim. Também tem as frutas como o abacate, figo, framboesa, maçã, melão, manga, ameixa, abacaxi, banana, entre outras frutas que são fontes bem poderosas desse mineral.

alimentos com zinco

E não para por ai, pois ainda vamos encontrar zinco em alguns legumes como abóbora, batata-doce, cebola, acelga, alface, couve-folha, couve-flor, brócolis, cenoura entre outros legumes que são muito comuns em uma dieta alimentar saudável.

Alimentos de origem animal

Ainda entre os alimentos que contém o zinco podemos colocar a carne de peixe, fígado e ovos, porém, estes alimentos nem sempre são os mais recomendados para a saúde devido às toxinas que podem apresentar ao organismo com sua ingestão. (Conheça também ALIMENTOS COM COBRE, SEU CORPO PRECISA DESTE MINERAL ).

Sementes de abóbora

Entre os alimentos de origem vegetal, a melhor escolha opção fica por conta das sementes de abóbora. Nesse caso, cada 100 gramas desse alimento cru contêm 8 mg de zinco, com a diferença que esse alimento quando ingerido de forma correta não apresenta outros riscos a saúde.

Sementes de melancia – apesar de pouco usada, as sementes de melancia contém 10 miligramas de zinco para uma porção de 100 gramas da semente. Para ingeri-las, primeiramente devem ser torradas e depois moídas no liquidificador para então serem misturadas aos alimentos, sejam em sucos ou alimentação sólida.

Caju – mais uma fonte natural de zinco, a castanha de caju, apesar de não ter um valor muito acessível é uma das ricas fontes de zinco, chegando a oferecer até 5,35 miligramas do mineral para 100 gramas de castanha.

Cogumelos – encontrados em mais de 100 espécies, os cogumelos que são ricos em nutrientes também contém uma boa proporção em zinco. Cada 100 gramas desse alimento fornecem 7,66 miligramas de zinco.

Sementes de Linhaça – a linhaça que tem sido muito usada como mistura em pães e biscoito integrais oferece em uma porção de 100 gramas pelo menos 5 mg de zinco.

Feijão – os feijões de cor escura são boas opções entre os alimentos que fornecem zinco para o organismo. Além disso, são ótimas fontes de proteínas uma das melhores alternativas para aqueles que desejam abolir a carne do cardápio. Cada 100 gramas de feijão apresenta 2,79 miligramas de zinco, não é muito, mas o suficiente para manter os níveis desse mineral no organismo.

Gérmen de trigo – outro alimento que tem sido cada vez mais buscado por pessoas que prezam pela saúde, uma porção de 100 gramas de gérmen de trigo contém mais do que a quantidade diária exigida desse mineral para o organismo.

Amendoins e amêndoas – outras duas ótimas opções entre os alimentos saudáveis, não apresentam grande quantidade de zinco, porém o suficiente para manter os níveis normais diários. Cada 100 gramas dessas castanhas oferecem 1,06 gramas de zinco para o organismo.

Chocolate – muito apreciado, esse alimento também é uma excelente fonte de zinco, uma vez que para 100 gramas do produto podemos obter até 9,6 mg do mineral. Esse alimento ainda contém alguns antioxidantes que contribuem para combater o estresse e a ansiedade.

Carne bovina – a carne bovina entre os alimentos de origem animal para cada 100 gramas pode nos garantir até 4,18 mg do mineral. Para quem preferir esse alimento, opte por carnes magras para serem preparadas na grelha.

Carne de ovelha – considerada uma carne mais nobre, a carne de ovelha apesar da gordura, é muito rica em zinco, e, nesse caso, para quem gosta de se alimentar de carne, esta é a mais recomendada como fonte desse mineral, uma vez que a cada 100 gramas da carne podemos dispor de 8,66 miligramas de zinco.

alimentos com zinco feijao protege o coração

Gema de ovo – entre os alimentos de origem animal a gema de ovo é uma das boas opções entre os fornecedores de zinco, uma vez que uma porção equivalente a 100 gramas de gema oferece 4,3 miligramas do mineral.

Carne de porco – entre as carnes podemos dizer que essa é a menos saudável para a saúde, porém, para quem gosta tem o benefício de ela ser muito rica em zinco, sendo que uma porção de 100 gramas do alimento fornece até 6,72 miligramas de zinco.

Por que o zinco é importante ao ser humano

Combate a diabete – o zinco é um dos componentes da insulina e é responsável pela função desse elemento para controlar os níveis de glicose no sangue.

Bom para a pele – o zinco também é muito necessário para a produção de colágeno que é uma proteína que sustenta a pele. Com a presença normal de zinco no organismo, o colágeno também é produzido em quantidades normais para promover uma pele bonita e saudável. (Leia também ALIMENTOS RICOS EM VITAMINA D E SEUS BENEFÍCIOS PARA SAÚDE ).

Também por apresentar uma propriedade antioxidante, o zinco previne o aparecimento dos sinais do envelhecimento na pele.

Benefícios para as funções sexuais – quando as taxas de zinco no organismo se encontram em baixa, tanto homens como mulheres ficam mais sujeitos a infecções por vírus que podem gerar a diminuição do desejo sexual nas mulheres e até mesmo a impotência sexual nos homens.

Bom para o cérebro – o zinco no organismo também promove a saúde do cérebro melhorando a concentração, a memória e ajudando a combater o estresse.

Benefícios para as crianças – com respeito as crianças, a falta do zinco pode comprometer o desenvolvimento tanto da coordenação motora,como o crescimento e a formação de massa corporal na criança.

Consumo exagerado – ingerir doses exageradas de zinco torna o mineral altamente tóxico e pode provocar náuseas e vômitos. Além disso, usar os suplementos por um tempo mais prolongado interfere diretamente na absorção do ferro e do cobre. Sempre que um desses minerais é encontrado em excesso no organismo, os demais minerais não são absorvidos corretamente.

Dose diária de zinco para o ser humano

A dose diária desse mineral para o ser humano é de 7 mg/dia para as mulheres e 9 mg/dia para os homens. Porém as mulheres gestantes precisam de um acréscimos de 2 mg/dia para prover esse cobre também para a formação do feto.

Bom, agora que você já sabe dos muitos alimentos que fornecem o zinco para atender as necessidades diárias do organismo, só resta acertar nas escolhas para suprir o organismo, não apenas de zinco, como também dos demais minerais e também de tudo o mais em nutrientes de que eles necessitam.

Planeje-se então para acertar nas escolhas, mas lembre-se que os alimentos de origem vegetal, são sempre as melhores escolhas, pois contém maior número de nutrientes juntos.

Leia também