Alimentos com Cobre, seu corpo precisa deste mineral

Conhecer e fazer uso de alimentos com Cobre é muito importante, pois assim como outros minerais esse também é necessário para a saúde do organismo especialmente no que se refere à saúde dos ossos e dos tecidos conjuntivos.

FUNÇÕES DO COBRE NO ORGANISMO

O cobre que não é produzido naturalmente pelo corpo só pode ser obtido através dos alimentos e é essencial para a saúde das células sangüíneas, na produção de alguns hormônios e enzimas com propriedades antioxidantes. Além disso, é necessário para que aja a síntese de neurotransmissores, na formação da bainha de mielina, e na formação genética.

alimentos ricos em cobre

Bom para a pele – o cobre também promove a formação da Melanina que é responsável pela pigmentação da pele, dos olhos e dos cabelos, impedindo possíveis manchas de pele (Melasma). A enzima Lisil Oxidase depende da ação do cobre para ser produzida no corpo, e esta é responsável pela combinação da Elastina e do Colágeno para promover a saúde da pele.

Bom para o sistema nervoso – existem ainda outras enzimas que dependem da presença do cobre no organismo que são necessárias para as funções normais do cérebro e do sistema nervoso, uma vez que elas sintetizam os neurotransmissores. Não devemos esquecer ainda de que a ação antioxidante do cobre sobre o organismo previne contra algumas doenças degenerativas do cérebro como o Mal de Alzheimer, por exemplo.

Bom para o coração – o cobre promove a produção de algumas enzimas antioxidantes como a Superóxido Dismutase e a Celuroplasmina que impedem a ação de radicais livres sobre a oxidação dos lipídeos. Com isso, podemos dizer que o cobre é necessário para prevenir e combater as doenças relacionadas ao coração.

Fortalece a imunidade – o cobre é necessário no organismo para que possamos aproveitar melhor a vitamina C. E sabendo que essa vitamina age como um antioxidante e também estimula a produção de glóbulos brancos no sangue, também podemos acreditar que o cobre juntamente com a vitamina C é necessário para fortalecer o sistema imunológico.

FONTES DE COBRE

Em geral, os alimentos mais ricos em cobre são os marinhos como as ostras, siris, lulas, mas também tem o fígado bovino e rins entre os alimentos de origem animal, porém, como bem sabemos esses alimentos nem sempre são aconselhados para a saúde, pois assim como trazem benefícios, também promovem as toxinas que causam muitos males a saúde.

Perigos da deficiência de cobre no organismo

Indivíduos com deficiência de cobre no organismo correm maiores riscos de sofrer com as doenças degenerativas do cérebro, ter problemas sérios de Tireóide, adquirir manchas na pele, desenvolver uma doença degenerativa dos ossos como Osteoporose, entre outras complicações.

A deficiência de cobre ainda pode causar irregularidade nos batimentos cardíacos, defeitos no nascimento dos bebês, baixa resistência as doenças infecciosas, dilatação anormal das veias, anemia, baixa temperatura corporal, elevação nos níveis de colesterol, entre outros sintomas.

Em outras situações a deficiência de cobre também pode causar a letargia, anorexia, dermatites, sangramentos sob a pele, queda de cabelos, feridas de difícil cicatrização, entre outros sintomas.

Alimentos de origem vegetal

Para prover o organismo de cobre, também os alimentos de origem vegetal são os

alimentos com cobre
mais indicados, uma vez que ainda trazem outros nutrientes, e dificilmente podem causar alguma contra-indicação.

Os cereais integrais ingeridos geralmente na primeira hora do dia no desjejum são ricos em cobre, entre eles podemos destacar a aveia, o farelo de trigo ingerido nos pães, mas também podemos aproveitar as amêndoas, o amendoim, nozes, beterraba, lentilhas, feijões, soja, farinha de soja, melaço, entre outros alimentos de origem vegetal para compor nosso cardápio para viver com mais saúde.

Já o chocolate amargo e outros alimentos preparados a partir desse tipo de chocolate são considerados os maiores fornecedores de cobre entre os alimentos mais saudáveis. Uma barra de 85 gramas desse chocolate pode apresentar até 0,75 mg de cobre, uma quantidade maior do que a dose diária recomendada para meninos.

Ainda entre os alimentos que fornecem o cobre para o organismo está a ervilha verde, o chocolate, os cogumelos, o arroz integral, o brócolis, a alcachofra, o rabanete, as gemas dos ovos de galinha, a cevada, as favas.

Como acontece a absorção do cobre – o cobre é absorvido pelo estômago e também pelo intestino delgado que depois é incorporado as proteínas que necessitam do mineral. Em gera a região gastrointestinal armazena até 40% do cobre encontrado nos alimentos e o restante então é eliminado.

Para manter os níveis de cobre no organismo, também é importante que o fígado esteja funcionando bem, pois é esse órgão que conclui todo o processo de absorção para depois eliminar o excesso de mineral pela bílis.

Ingestão de água pura – para contribuir com a melhor absorção do cobre pelo organismo, também é importante ingerir muita água, porém, sempre antes das principais refeições ou então , pelo menos 2 horas após elas. Mas atenção, podemos até ingerir outros sucos naturais, mas mais importante é a ingestão de água pura, no mínimo 2 litros todos os dias.

PERIGOS DOS SUPLEMENTOS DE COBRE

O uso de suplementos de cobre é recomendado sempre que o indivíduo não consegue obter a quantidade desse mineral apenas com os alimentos. Isso é comum especialmente entre os vegetarianos, porém, é importante que se saiba que o excesso desse mineral o organismo podem causar náuseas, vômitos, diarréia e até mesmo problemas mais graves como insuficiência renal, danos ao fígado e até levar o indivíduo ao coma.

O excesso de cobre no organismo ainda pode comprometer a absorção da vitamina C pelo organismo. Sabendo disso, é imprescindível uma consulta ao médico para saber como usar esses suplementos.

Alimentação balanceada – ainda precisamos entender que se ingerirmos alimentos com muito zinco ou ferro pode comprometer os níveis de cobre que o organismo necessita a cada dia, por isso, precisamos assegurar uma dieta bem equilibrada que contenha muito cobre.

DOSE DIÁRIA DE COBRE NECESSÁRIA

Para que o corpo funcione de forma correta, assim como os demais minerais que ele precisa, também o cobre precisa ser ingerido de uma forma regular, e nesse caso, o valor do mineral mínimo exigido a cada dia é de 0,020 mg/kg de peso corporal para os adultos e cerca de 0,050 mg/kg de peso para as mulheres em período de lactação.

Doença de Wilson

A Doença de Wilson é um distúrbio genético determinado pelo metabolismo do cobre quando este existe em excesso no organismo. A doença pode causar problemas neurológicos, psiquiátricos, hepáticos e hematológicos. Essa doença acomete pessoas de mais idade, geralmente a partir dos 55 anos de idade, porém quanto aos sintomas, esses variam bastante de indivíduo para indivíduo.

Para tratar essa doença, todo o tratamento visa diminuir os níveis desse mineral no organismo, e nesse caso o uso de penicilina para aumentar a secreção de urina é uma das alternativas mais lógicas no tratamento.

Sabendo agora sobre a necessidade de ingerir os alimentos que contém cobre, aproveite para classificar esses alimentos para buscar pelas melhores escolhas no mercado e a partir desses alimentos organizar um cardápio para todos os dias, mas não esqueça que os alimentos de origem vegetal são sempre os mais aconselhados a saúde.

Lembre-se que a saúde é o nosso maior bem, por isso, saibamos preservar.

Leia também